Oito incêndios em vegetação são combatidos em poucas horas pelo Corpo de Bombeiros de Concórdia

Ocorrências foram registradas entre sexta-feira e este sábado

Por Oeste Mais

18/08/2019 09:25 - Atualizado em 18/08/2019 09:25



Fogo em vegetação tem dado trabalho aos bombeiros (Foto: Reprodução/Rádio Rural)

O Corpo de Bombeiros de Concórdia tem tido trabalho neste final de semana com ocorrências de incêndio em vegetação. A guarnição já atendeu a oito chamados somente nos últimos dois dias.

 

Conforme os bombeiros, entre sexta e sábado, em um período de tempo de pouco mais de 24 horas, a mobilização foi intensa. As informações foram divulgadas na manhã deste domingo, dia 18, pela Rádio Rural.

 

A primeira ocorrência foi na sexta-feira pela manhã, por volta das 11 horas. Ainda na sexta, à tarde, ocorreu mais um registro. Na noite da sexta houve a terceira ocorrência — uma das maiores, na BR-153. O sábado foi o dia mais movimentado, com cinco casos de incêndio em vegetação.

 

A tendência é que neste domingo, dia 18, a situação mude, já que a previsão do tempo indica chuva para o decorrer do dia.

 

Situação em SC

 

O estado já havia registrado 1.655 ocorrências do gênero no período de 1º de janeiro a 12 de agosto deste ano. O número representa um aumento de 11,9% com relação ao mesmo período de 2018, quando foram registradas 1.479 casos de incêndio em vegetação.

 

Prevenção

 

Não apenas no período de geadas e estiagem, mas ao longo de todo o ano, a orientação é que a população não inicie queimadas, principalmente fogo em lixo, terrenos e pastagens. A ação pode ocasionar graves acidentes, lembrando ainda que o vento no local costuma propagar as chamas.

 

Deve-se evitar também acender fogueiras em áreas de vegetação, não jogar bitucas de cigarro na mata ou mesmo em beira de estradas, atitude que muitas vezes passa despercebida e também pode resultar em incêndios.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.