Curso reúne dezenas de pessoas de 25 municípios da região

O Vigidesastres, Curso de Construção do Plano Municipal de Vigilância para Emergências em Saúde Pública, aconteceu na última semana

Por Oeste Mais

10/09/2019 09:53 - Atualizado em 10/09/2019 09:53



Curso foi realizado na última semana na sede da Amai em Xanxerê (Foto: Divulgação/Amai)

A Amai (Associação dos Municípios do Alto Irani), em parceria com Defesa Civil Regional e Vigilância Sanitária Regional, desenvolveu na última semana o Curso de Construção do Plano Municipal de Vigilância para Emergências em Saúde Pública, o Vigidesastres, reunindo 53 servidores de 25 cidades da região.

 

Dividido em dois módulos, o curso teve o objetivo de desenvolver um conjunto de ações continuadas para fazer o enfrentamento das Emergências em Saúde Pública (ESP). O treinamento prepara as equipes dos municípios para eventos de origem natural como inundações, movimentos de massa, estiagens, incêndios florestais, ondas de frio e de calor, vendavais, chuvas de granizo e outros. Aborda também ações em casos de desastres tecnológicos como acidentes com produtos químicos, biológicos, radioativos e nucleares (QBRN).

 

A implantação dos planos acontece em todo estado e busca capacitar os municípios para que o setor de saúde das cidades seja o primeiro a atender as necessidades da população nos eventos locais.

 

Além dos 14 municípios da Amai, participaram servidores das cidades de Irati, Jardinopólis, São Lourenço, Coronel Martins, Galvão, Novo Horizonte, São Bernardino, Campo Erê, Chapecó, Jupiá e Quilombo.

 

O conteúdo foi ministrado pelo analista técnico de gestão na Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina da Diretoria de Vigilância Sanitária, Anselmo Granzotto.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.