Menina de 11 anos que engravidou após ser estuprada realiza aborto em SC

Criança deixou o abrigo onde estava acolhida na última terça-feira

Por Redação Oeste Mais

23/06/2022 14h15 - Atualizado em 23/06/2022 14h16



A menina de 11 anos que engravidou depois de ter sido estuprada por um parente, conseguiu realizar o aborto na tarde desta quarta-feira, dia 22, em um hospital de Santa Catarina não informado. 

 

Conforme o g1, a informação de que o procedimento de interrupção da gestação fora feito, foi divulgada pelo Ministério Público Federal.

 

Em nota, a unidade onde ocorreu o procedimento informou que não dá detalhes sobre os pacientes, em respeito à privacidade, e porque o caso está em segredo de justiça.

 

Este mesmo hospital havia recebido recomendação do MPF para realizar o procedimento nos casos autorizados por lei, independentemente de autorização judicial, idade gestacional ou tamanho do feto.

 

Nesta terça-feira, dia 21, a criança deixou o abrigo onde estava acolhida há mais de um mês e voltou para a casa da mãe.

 

Também na terça, a advogada entrou com um habeas corpus solicitando autorização para que a menina faça o aborto. A criança está com 29 semanas de gestação. A gravidez foi descoberta em maio, quando ela estava na 22ª semana.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.