VÍDEO: Faxinal dos Guedes realiza testagem do sistema de reconhecimento facial em escolas municipais

Alunos serão reconhecidos através do aparelho que acompanhará frequência escolar de cada um

Por Redação Oeste Mais

10/05/2022 10h48 - Atualizado em 10/05/2022 11h09



Para dar mais segurança aos alunos e pais, o município de Faxinal dos Guedes está implantando um novo sistema de reconhecimento facial, que permite identificar alunos e acompanhar a frequência deles dentro das escolas municipais (assista ao final do texto).

 

► Faça parte do canal do Oeste Mais no Telegram

 

Conforme a secretária de Educação, Lisandra Fachinello Soethe, o aparelho está sento testado em duas escolas da rede ― no bairro Rosa, na Escola Básica Alexandre Antoniolli, e na Escola Municipal Airo Ozelame, no bairro Ozelame.

 

Uma foto de cada aluno já foi cadastrada no aparelho, e todos vão ser reconhecidos ao passarem em frente ao sistema.

 

“Isso já vai linkar um registro de frequência da escola, então, o aluno, a partir do momento em que entra na escola, já tem a sua frequência. Dentro desse programa a gente tem a previsão de, dando tudo certo após as testagens, implantar no restante das escolas municipais”, explica a secretária.

 

Além dessa nova ferramenta, outra etapa do programa vai ser desenvolvida, com a implantação do sistema no aparelho celular de cada pai ou responsável pelo aluno.

 

O aparelho será cadastrado no sistema da escola e a família vai receber automaticamente uma mensagem confirmando a entrada da criança ou adolescente dentro da unidade escolar.

 

“Isso vai ser mais uma ferramenta que vai nos auxiliar na segurança desses alunos através do programa Escola Segura. Um benefício tanto para a escola, quanto para os pais”, diz Lisandra.

 

Dentro do programa Escola Segura, o município de Faxinal dos Guedes também já instalou, ainda em 2019, portões eletrônicos e câmeras de videomonitoramento, além de ter feito reformas nos cercados das unidades escolares.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.