Senar oferece 30 cursos gratuitos para produtores e trabalhadores rurais no Meio-Oeste

Programação do mês já está disponível no site da entidade e contempla mais de 280 cursos em diversos municípios de todas as regiões do Estado

Por Redação Oeste Mais

28/05/2021 13h30 - Atualizado em 28/05/2021 13h32



Apresentar técnicas para melhoria da gestão, aumento da produtividade e fortalecimento da renda das famílias que produzem os mais diversos tipos de alimentos no Estado.

 

Com este objetivo, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/SC), órgão vinculado à Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc), promove diversos cursos gratuitos que visam auxiliar no desenvolvimento da produção de alimentos de forma sustentável e promover avanços sociais no campo.

 

Em junho, serão aproximadamente 30 capacitações no Meio-Oeste. A programação do mês já está disponível no site da entidade e contempla mais de 280 cursos em diversos municípios de todas as regiões.

 

Com a parceria dos Sindicatos Rurais, os cursos contemplam mais de 4.000 produtores e buscam fomentar o conhecimento e aumentar a produtividade no campo. São qualificações que transmitem técnicas para melhorar a gestão das propriedades e desenvolver atividades de complementação de renda.

 

Entre os treinamentos do meio oeste estão: Emissão de Guias de Trânsito Animal (e-GTA) e de Origem de Produtos Vegetais (e-Origem) em Herval d`Oeste (2); Piscicultura em Joaçaba (7 e 8); Fruticultura Básica em Campos Novos (7 e 8); Inclusão Digital Rural - Informática Básica em Lebon Régis (21 e 22); Produção Caseira de Massas para Congelamento em Caçador (21 a 23); entre outros.    

 

Interessados nos treinamentos devem procurar o Sindicato Rural do seu município para inscrições. As capacitações estão disponíveis no site do Senar/SC, com especificação de carga horária, local e data.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.