Homem encontra carteira com quase R$ 2 mil e devolve ao dono no Paraná

José Cleomar Domingues esta indo para um de seus últimos dias no emprego quando encontrou a carteira

Por Oeste Mais

24/03/2021 13h53



Homem encontra carteira com quase R$ 2 mil e devolve ao dono no Paraná (Foto: Redes Sociais)

Um homem identificado como José Cleomar Domingues de 34 anos que mora em Piraí do Sul, nos Campos Gerais do Paraná, encontrou uma carteira com quase R$ 2 mil, na noite de terça-feira, dia 16, enquanto seguia para um de seus últimos dias de trabalho. 

"Vi no chão caída e chutei, com essa mania de chutar as coisas. Quando abriu, vi que era uma carteira. Vi que tinha R$ 1.780 dentro".

Segundo José contou ao G1, imediatamente pensou em achar o dono, fazendo uma postagem em seu Facebook, pedindo se alguém conhecia o rapaz e foi trabalhar. Ao sair do trabalho, na manhã do dia seguinte, recebeu uma mensagem do dono da carteira. José marcou um encontro com o dono da carteira e entregou ao rapaz.

 

"Pelo que vi, era um rapaz bem simples e humilde. Para mim, foi normal. Não fiz para ganhar ibope. Eu até me assustei com os comentários, porque era algo que eu não esperava. O que não é da gente, não é da gente".

 

Desempregado desde sábado, dia 20, José disse que, mesmo sabendo da situação em que se encontra, não pensou em pegar o dinheiro para ele. "Não me arrependo, porque o que a gente faz aqui na terra, a gente ganha em dobro lá em cima", enfatizou.

 

Com dois filhos pequenos, o homem disse que chegou a pensar o que faria se o dono não aparecesse. Mas ele não iria sossegar até que encontrasse o dono do dinheiro.

 

"Tenho conta para pagar, mas você não sabe o que a pessoa está passando também. Às vezes a pessoa é mais simples que a gente, não tem condição de trabalhar. Eu não conseguiria pegar esse dinheiro e gastar em outra coisa, pensando no que a pessoa ia usar, qual conta ela teria que comprar, uma fralda ou comprar leite".

 

José trabalhava para uma empresa que prestava serviços de manutenção de caldeiras, mas o contrato acabou e ele ficou desempregado. Agora, o objetivo é conseguir um novo emprego.

Com informações do G1


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.