Policial baleado em assalto a banco de Criciúma deixa UTI após um mês internado

Estado de saúde do policial ainda é grave, informou a Polícia Militar

Por Oeste Mais

04/01/2021 14h33



Jeferson estava internado desde que foi baleado por criminosos (Foto: Divulgação)

O policial militar ferido durante o assalto ao Banco do Brasil em Criciúma, deixou a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) após um mês internado. Segundo o coronel Evandro Fraga, responsável pela 6º Região da PM, Jeferson Luiz Esmeraldino, de 32 anos, foi levado para o quarto na quarta-feira,dia 30,  por volta das 17h30. O estado de saúde do policial ainda grave e não há previsão de alta.

 

O soldado foi atingido na região do abdômen durante uma troca de tiros com criminosos durante o assalto, na madrugada de uma terça-feira, dia 1º. Ele foi atingido por tiros quando a viatura policial se deslocava para atender à ocorrência na madrugada. No caminho, encontrou um dos veículos dos criminosos e houve troca de tiros, próximo a um shopping da cidade.

 

Esmeraldino permanece hospitalizado, com respiração periodicamente controlada com o uso de um aparelho de ventilação. Ainda há picos de febre e crises convulsivas.

Criminosos balearam o policial durante troca de tiros após assalto (Foto: Divulgação)

Com informações do G1


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.