Cerca de duas mil unidades ainda estão sem luz na região

Maior concentração de unidades está em Irani, Água Doce, Brunópolis e Campos Novos

Por Oeste Mais

04/07/2020 08h32 - Atualizado em 04/07/2020 08h33


Cerca de duas mil unidades consumidoras ainda estão sem energia elétrica na região atendida pela Celesc Joaçaba, após a passagem do ciclone bomba na última terça-feira, dia 30. A maior concentração de unidades está em Irani, Água Doce, Brunópolis e Campos Novos.

 

As equipes da Celesc estarão trabalhando durante o final de semana, mas a previsão é que o sistema seja reestabelecido apenas no início da próxima semana. “A grande dificuldade, diferente de outras ocorrências com temporal que já passamos, é que afetou o estado todo e não há condições de deslocar equipes de um núcleo para outro para ajudar”, destacou a gerente regional da Celesc, Silvia Pozzobon.

 

Nos primeiros dias a Celesc não tinha a noção do estrago proporcionado pelo ciclone na rede elétrica. “As equipes de emergência leve (camionetes) foram encaminhadas para atender as faltas de energia que foram de quase 50% das unidades consumidoras aqui do Núcleo Meio Oeste, ou seja, 43 mil unidades consumidoras nos 21 municípios atendidos pela empresa, afetadas no pico da ocorrência”, informou.

 

De acordo com Silvia, as ocorrências que podem ser atendidas com as equipes leves já são reenergizadas, mas tem muitas redes com postes quebrados, árvores em cima das redes, cabos rompidos. “A maior parte das unidades consumidoras que estão sem energia agora são situações de maior complexidade para restabelecer o fornecimento - é reconstruir rede mesmo”.

 

Por fim, a gerente da Celesc pede a compreensão dos usuários, pois a empresa não está medindo esforços para normalizar a situação neste que foi o pior dano que a Celesc já teve em toda sua história. “Pedimos para que as pessoas tenham serenidade neste momento difícil. Todo nosso efetivo está trabalhando, próprio e terceirizado, para resolver tudo no menor espaço de tempo possível”.

 

O telefone 0800 48 0196 está funcionando, mas bastante congestionado. Os consumidores podem enviar mensagem SMS para o número 48196 ou usar o aplicativo da Celesc para entrar em contato.



Com informações do Caco da Rosa

COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.