Mãe grava vídeos com o filho para alegrar pessoas nas redes sociais

Crislaine posta vídeos curtos com canções, brincadeiras e receitinhas fáceis

Por Kiane Berté

02/04/2020 17h54 - Atualizado em 17/04/2020 14h39



Movida pela alegria e fé em Deus, a mãe Crislaine Santana Batista, de 29 anos, tem dedicado seu tempo a gravar e divulgar vídeos nas redes sociais como forma de levar amor ao próximo.

 

Cris – como é chamada pelos amigos e família – passou a gravar vídeos com canções que falam de Deus, receitinhas fáceis e brincadeiras, para divertir não só o filho Lorenzo, de dois anos, como também as pessoas que a seguem no Facebook.

 

“Desde o momento em que eu me descobri mãe, que Deus havia me dado a honra de ser mãe, passou pela minha cabeça em ser uma mãe totalmente diferente, uma mãe presente e aquela mãe brincalhona. Sempre fui brincalhona e divertida e eu queria transmitir ao meu filho essa parte de mim”, conta ela.

Crislaine grava vídeos junto com o filho para divertir pessoas nas redes sociais (Foto: Divulgação)

O primeiro vídeo que ela gravou com o filho, foi postado ainda quando ele era apenas um bebê. Nele, Crislaine mostra seus dons com a voz e diverte Lorenzo de uma forma diferente. “Queria mostrar a ele o quanto nós somos importantes pra Deus e transmitir a importância de valorizarmos quem somos e gostar de quem somos”.

 

A mãe, que vive em Vargeão com a família, diz estar tentando passar para o único filho a disposição dela e o sorriso que ela sempre carrega no rosto, todos os dias. “Como diz o ditado: os filhos são o que os pais ensinam”, comenta.

 

Cris acredita que todos nasceram com um propósito na vida e que todos precisam oferecer uns aos outros, o que há de melhor. “O sorriso alegra a alma, contagia quem está ao seu redor e trás paz ao coração”, diz uma frase escrita por Crislaine.

Família de Crislaine (Foto: Arquivo pessoal)

COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.