Professor canadense visita Vargeão para conhecer local da queda do meteorito

Derek Peak é doutor e visitou o município acompanhado pelo também doutor Cristiano Dela Piccolla

Por Jeferson Rubens Coppini

20/02/2020 17h07 - Atualizado em 17/04/2020 14h39


Doutores Derek Peak e Cristiano Dela Piccolla fizeram visita de estudos (Foto: Divulgação)

A cidade de Vargeão recebeu uma visita de estudos internacional na última terça-feira, dia 18. Doutor em química do solo, o canadense Derek Peak esteve no município acompanhado pelo agrônomo e doutor em agricultura, Cristiano Dela Piccolla, professor do curso de agronomia da Unoesc Xanxerê.

 

Guiados pela secretária de Cultura Mariana Gubert e pelo secretário de Administração Giovani Luiz, os professores fizeram antes uma visita ao gabinete do prefeito, apresentando o teor da visita a Vargeão.

Professores acompanhados do prefeito e dos secretários municipais (Foto: Divulgação)

Os professores realizaram o passeio para conhecerem de perto o arenito do solo onde houve o impacto do meteorito há milhares de anos, responsável pela formação geográfica local. O interesse dos professores em visitar Vargeão se deu porque a cratera é algo peculiar na região e é possível ver o arenito, que é a rocha responsável pela formação do solo da área.

 

Derek é professor em uma universidade na principal região agrícola do Canadá, que concentra 43% das terras aráveis do país norte-americano. As regiões possuem certa similaridade, como o plantio direto – de soja e milho em Vargeão, canola e trigo no Canadá.

 

O professor brasileiro complementa que “Derek veio à região para conhecer os solos, os quais possuem grande quantidade de óxidos de ferro, responsáveis pelo tom avermelhado, diferente do solo canadense”.





COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.