Diesel sobe 2,5% nas refinarias após fim de programa de subsídio

Com aumento, valor do litro subiu de R$ 1,8088 para R$ 1,8545

Por Oeste Mais

02/01/2019 10:44 - Atualizado em 02/01/2019 10:52


O preço médio do diesel vendido nas refinarias foi elevado para 2,5% nesta terça-feira, dia 1º, devido ao fim do programa de subsídio da Petrobras. Com o aumento, o valor do litro subiu de R$ 1,8088 para R$ 1,8545.

 

O programa de subsídio ao diesel foi estabelecido pelo governo Temer em meados de 2018, atendendo reivindicações dos caminhoneiros, que fizeram paralisações históricas em maio por causa da alta dos preços do combustível.

Sede da Petrobras no Rio de Janeiro (Foto: Sergio Moraes/Reuters)

Em comunicado na segunda-feira, dia 31, a Petrobras informou que o novo preço do diesel é inferior em 11,75% ao de 31 de maio de 2018, de R$ 2,1016 por litro, último valor médio antes do início do programa governamental.

 

A companhia também destacou que o novo preço é 8,7% menor ao primeiro valor estabelecido pela subvenção, que foi de R$ 2,0316 em 1º de junho de 2018. "Com o ajuste anunciado hoje (31 de dezembro), há uma queda de 2,1% em 12 meses no preço médio do diesel comercializado pela Petrobras", destacou a empresa.

 

Na sexta-feira, a diretoria da Petrobras aprovou um mecanismo financeiro que permite à companhia manter o valor do diesel estável nas refinarias por um período de até sete dias em momentos de elevada volatilidade.

 

O valor do diesel nas refinarias considera as cotações internacionais do combustível e do câmbio, entre outros fatores. "Esse preço representa cerca de metade do valor do diesel vendido nos postos, já que, no preço final ao consumidor, são adicionados os tributos, o custo do biodiesel e as margens de distribuidoras e revendedores", destacou a Petrobras.

Com informações do G1


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.