Censo 2020 terá mais de sete mil pessoas contratadas em Santa Catarina

Serão realizadas cerca de 2,5 milhões de entrevistas em todo o estado

Por Oeste Mais

05/11/2019 11:15 - Atualizado em 05/11/2019 11:17



Censo 2020 acontecerá nos meses de agosto a outubro (Foto: Divulgação)

O Censo 2020 vai envolver 7,7 mil pessoas contratadas em Santa Catarina e projeta fazer entrevistas com moradores em 2,5 milhões de domicílios no estado catarinense. A coleta de dados vai ocorrer entre os meses de agosto e outubro do ano que vem.

 

Os números sobre o trabalho do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no próximo ano foram apresentados em um encontro na tarde desta segunda-feira, dia 4, na Câmara de Vereadores de Florianópolis, com representantes de 40 entidades como Guarda Municipal, Polícia Militar, Fiesc (Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina) e outros órgãos do poder público.

 

A agenda fechou o calendário das chamadas Reuniões de Planejamento e Acompanhamento do Censo (Repacs), que passaram pelos 295 municípios do Estado para discutir os detalhes do recenseamento com autoridades dos municípios e com a sociedade.

 

O levantamento feito de 10 em 10 anos pelo IBGE ajuda a entender a organização das cidades, mas também pode representar oportunidade de trabalho temporário em tempos de economia ainda claudicante.

 

Dos 7,7 mil contratados temporários, aproximadamente 6,7 mil serão recenseadores, que vão atuar diretamente nas ruas ouvindo os moradores. Os supervisores são outra categoria também vai a campo, para orientar o trabalho de quem estiver aplicando as questões.

 

O processo seletivo para recenseadores e supervisores será o maior dos quatro editais de contratação previstos e deve ser lançado em fevereiro de 2020. As inscrições devem ficar abertas até março.

 

A remuneração dos recenseadores será por produção, com um valor fixo a ser pago por questionário aplicado. Eles começam treinamento no final de julho e serão contratados no período do Censo, de agosto a outubro. Os supervisores começam a atuar antes, em junho. Nesse caso, como nos outros cargos a serem contratados, a remuneração é fixa.

 

Outros dois processos seletivos já foram lançados pelo IBGE em SC, um para analistas censitários que atuarão em Florianópolis, e outro para coordenador de subárea, que já teve as inscrições encerradas. Neste último, foram abertas 59 vagas em todo o estado.

Com informações do Diário Catarinense


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.